05 outubro 2009

Sequencia didática em poesias


Várzea Grande, 20 de setembro de 2009.


Professoras: Midiã Sardinha do Amaral
Aparecida Braga
Bernadete P. Leite Martins
Marluce Carrijo
Cléa de Jesus Martins
Lizandra Rodrigues Freitas
Wanda Cecília de Mello

As cursistas elaboraram atividades que envolviam a poesias literárias, que foi uma proposta da TP6 (literatura para adolescentes).

OBJETIVO: Desenvolver nos alunos a competência linguística sobre o gênero poema, bem como, recuperar o prazer da leitura poética, a degustação de palavras combinadas, a viagem na fantasia das imagens, dos grandes sonhos e de grandes invenções.
PASSO A PASSO DAS ATIVIDADES
1 – APRESENTAÇAO DA PROPOSTA
Discutir com os alunos sobre as atividades que serão desenvolvidas: aplicação das atividades; roteiro de estudo; refacção dos textos; pesquisa bibliográfica, etc.
1.1 ATIVIDADE N. 01 – CONHECIMENTO PRÉVIO DOS ALUNOS
De forma dialogada perguntar aos alunos o que eles sabem sobre poema
a) Vocês gostam de Poemas? Por quê?
b) Vocês lêem Poemas com frequência?
c) Já pesquisaram Poemas na internet?
d) Vocês sabem com são chamadas as partes de um Poema?
e) E cada linha de um Poema? Como vocês chamam?
f) Os Poemas podem estar interligados com as músicas?
g) Os Poemas trabalham com a sonoridade?
h) Você sabe declamar algum Poema?

ATIVIDADE N. 02 – CONTATO INICIAL COM O GÊNERO POEMA
 Distribuir os poemas aos alunos:
• Cada aluno recebe cópias do poema;
• Solicitar aos alunos a realizaçao de uma leitura silenciosa dos poemas
• Realizar a leitura em voz alta dos poemas;


SONETO DE SEPARAÇÃO
Vinicius de Moraes

De repente do riso fez-se o pranto
Silencioso e branco como a bruma
E das bocas unidas fez-se a espuma
E das mãos espalmadas fez-se o espanto

De repente da calma fez-se o vento
Que dos olhos desfez a última chama
E da paixão fez-se o pressentimento
E do momento imóvel fez-se o drama

De repente não mais que de repente
Fez-se de triste o que se fez amante
E de sozinho o que se fez contente

Fez-se do amigo próximo, distante
Fez-se da vida uma aventura errante
De repente, não mais que de repente


SONETO DA FIDELIDADE

Vinicius de Moraes

De tudo, ao meu amor serei atento
Antes, e com tal zelo, e sempre, e tanto
Que mesmo em face do maior encanto
Dele se encante mais meu pensamento

Quero vivê-lo em cada vão momento
E em seu louvor hei de espalhar meu canto
E rir meu riso e derramar meu pranto
Ao seu pesar ou seu contentamento

E assim quando mais tarde me procure
Quem sabe a morte, angústia de quem vive
Quem sabe a solidão, fim de quem ama

Eu possa me dizer do amor (que tive):
Que não seja imortal, posto que é chama
Mas que seja infinito enquanto dure.

AMOR É FOGO QUE ARDE SEM SE VER;
(Luís de Camões)

"Amor é fogo que arde sem se ver;
É ferida que dói e não se sente;
É um contentamento descontente;
É dor que desatina sem doer;

É um não querer mais que bem querer;
É solitário andar por entre a gente;
É um não contentar-se de contente;
É cuidar que se ganha em se perder;

É um estar-se preso por vontade;
É servir a quem vence o vencedor;
É um ter por quem nos mata lealdade.

Mas como causar pode o seu favor
Nos mortais corações conformidade,
Sendo a si tão contrário o mesmo amor?"

ATIVIDADE N. 04 – PRODUÇÃO DO TEXTO INICIAL
• Solicitar aos alunos que produzam um poema com um tema escolhido por eles mesmo.
ATIVIDADE N. 05 – AMPLIAÇÃO DO REPERTÓRIO
• Levar os alunos ao Laboratório de Informática e pesquisar outros poemas ;
• Levar livros de Poemas para a sala de aula;
• Organizar e sistematizar juntamente com os alunos de forma detalhada os elementos do gênero poema suas principais situações de Construção, sua forma, seus elementos e sua circulação.

ATIVIDADE N. 06 – PRODUÇÃO COLETIVA

Todos os alunos participam da escritura de um poema, a professora (o) torna –se o escriba da turma

ATIVIDADE N.07 – PRODUÇÃO INDIVIDUAL

Neste momento cada aluno produzirá seu próprio poema.

ATIVIDADE N. 08 – REVISÃO E REESCRITA

Este é o momento de sanar as dúvidas ainda existentes de de refaçcão dos textos produzidos .
ATIVIDADE Nº 09 – EXPOSIÇÃO DOS TRABALHOS
Este é o momento da exposição dos trabalhos para a comunidade escolar.
Os alunos montarão um mural com as produções deles e outro com poemas de autores consagrados da Literatura Brasileira e Portuguesa.

LINKS PARA PESQUISA
http://www.google.com.br/search?hl=pt-BR&q=pemas+de+Paulo+Jos%C3%A9&btnG=Pesquisar&meta=
http://www.google.com.br/search?hl=pt-BR&q=poemas+de+camoes&btnG=Pesquisar&meta=
http://www.google.com.br/search?hl=pt-BR&q=poemas+de+vinicius+de+moraes&btnG=Pesquisar&meta=
http://www.google.com.br/search?hl=pt-BR&q=ana+maria+machado+escritora&btnG=Pesquisar&meta

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário